Archive for the 'Tipografia' Category

24
ago
08

Tipocracia

Tipocracia: estado tipográfico, é um projeto que busca promover a cultura tipográfica brasileira. Em cinco anos, o Tipocracia já passou por mais da metade dos estados brasileiros, e já teve edições realizadas em Viena e Portugal. Cerca de 1000 pessoas já participaram do projeto.

Assim se define o grupo Tipocracia, que eu conheci há alguns anos atrás em um dos NDesigns e RDesigns da vida… É a união de artistas e designers apaixonados pelas letras, que desenvolvem alguns cursos pelo Brasil difundindo o uso e estudo da tipografia.

No site você pode conhecer um projeto com cursos de profissionais do Brasil inteiro, como o Estúdio Mopa de Brasília, palestrantes do próximo TMDG.

Anúncios
28
jul
08

Font conference

Mais uma dica do Bife, esse vídeo mostra uma conferência com as fontes personificadas. Muito bem produzido e bem bolado !

Arial Black

Olha a cara do Arial Black !

Edit: E parece que hoje eles postaram o vídeo no youtube. Então taí, pra todos verem no conforto do Caligraffiti:

Mas a versão em alta resolução continua AQUI.

14
jul
08

Comic sans

Acredito que todo designer tem uma reação bastante negativa quando o assunto é a Comic Sans. Apesar do tipo microsoftiano ser muito presente no uso popular, seu valor em um projeto profissional é o mesmo comparado ao ato de escalonar um texto sem segurar o Shift.

Uma campanha contra o uso da Comic foi provavelmente a primeira, feita pelo casal de designers de Indianapolis, Dave e Holly Combs. Ao perceber o incômodo causado pela fonte mal usada, eles criaram o site Ban Comic Sans, no objetivo de espalhar a mensagem usando propaganda (por sinal muito inspirada no OBEY, do Shepard Fairey) e merchandising.

Tendo o mesmo pensamento a respeito, o grupo de estudantes do Royal College of Art resolveu criar uma versão mais “séria” da Comic. Literalmente nomeando-a Serious Sans.

Tentando entender o que pode ser bom na Comic Sans, Valerio – ao lado dos colegas Hugo Till, Filip Tydén e Erwan Lhussier – viu que as formas desengonçadas da fonte fazem com que ela seja um dos tipos mais fáceis para pessoas disléxicas lerem.

via

03
jul
08

Ambigrama DanUp

Dan-UpSeguindo o post do Nuno, sobre marcas redesenhadas, e reforçando o conceito de ambigramas que eu havia postado há um tempo, achei essa embalagem no supermercado e não pude deixar de reparar o detalhe.

O redesenho da marca DanUp, da Danone foi feito pela Landor. Por um lado eles atualizaram a antiga, colocando-a bem no mundo glossy/3d/degradê das embalagens. Os traços mais simples a tornaram mais esportiva, jovem e eventualmente compatível com o público-alvo.

Por outro lado, a legibilidade foi um pouco comprometida, no momento em que o 3D entra com força. Mas não só isso. A nova marca é um ambigrama. Na hora que percebi isso, me interessei mais por ela. Ela me marcou mais. Mas, será que todo mundo consegue ver isso ? O interesse veio mais pelo fato de eles terem criado um ambigrama, e não muito pelo significado do uso.

O fato do nome estar bem inclinado pode ajudar o leitor a ver, e o ruído espelhado central também. Mas mesmo assim, será que foi de suma necessidade o uso da técnica nesse caso ? Ambigramas geralmente são usados para representar palavras com características semânticas bipolares. Opostos, complementares etc. É um recurso usado pra dar reforço e interesse estético a esse tipo de idéia. Em casos comerciais assim eu imagino nomes de jogos de tabuleiro ou coisas do tipo. No caso do DanUp, eu não vejo muito disso acontecendo. Ainda mais com a palavra UP no meio, um conceito vetorial, unidirecional. Eles defendem dizendo que o novo “N” bidirecional é interativo, irreverente e significa que “você pode ser você mesmo”. Não é por nada, mas me parece um conceito subjetivo demais, e mais uma daquelas defesas que se desenvolve depois do projeto pronto. E isso todos nós sabemos que acontece nos melhores escritórios…

Mesmo assim eu ainda tiro o chapéu pro pessoal da Landor, por ter visto a possibilidade de uso de algo “sofisticado” como ambigramas no desenho de algo tão mainstream. Ficou esteticamente memorável, e muitas vezes é isso que importa mesmo. Mas no final, só me fez pensar naquelas idéias que você imagina como vão ficar lindas no final, mesmo sem ter muito a ver com o conceito central do que se quer comunicar.

28
jun
08

Marian Bantjes

Essa é para aqueles que estão se preparando para o TMDG 2008 em Mar Del Plata, na Argentina. Eu estava dando uma olhada no site do evento e olhando os links dos palestrantes, até que me deparei com o trabalho tipográfico de Marian Bantjes. Os layouts chamam atenção pelo estilo gráfico adotado, misturando ilustração com experimentos em tipografia.

Eu me identifico muito com esse tipo de trabalho, e sempre tento incorporar fontes e letras nos meus layouts experimentais. E vamos para Argentina!!!

Continue lendo ‘Marian Bantjes’

06
maio
08

Flickermood

Esse é o clipe da música Flickermood, do Forss, criado por Sebastian Lange (1, 2).

Harmonia entre vídeo e áudio usando somente a Helvetica.

Quem quiser a versão hi-res, tá AQUI.

15
abr
08

Let the drummer kick

Mais um vídeo com base em tipografia, esse de nível altíssimo. A animação tipográfica feita para a música “Let the Drummer Kick” do Citzen Cope foi toda realizada com o After Effects 6.0 pelo alemão Artur Dimke do FH Muenster FB Design. Confiram:




Menu

Posts de outrora

Calendário

outubro 2017
D S T Q Q S S
« set    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031